Os golpes se assemelham aos usados ​​pelos hackers do Twitter, que na semana passada sequestraram algumas das maiores contas da rede social para promover brindes de bitcoin.