BlockchainCriptomoedas

Petro: Presidente da Venezuela ordena às empresas que aceitem a criptomoeda criada por ele

A Venezuela tem oficialmente sua própria criptomoeda – e seu presidente quer que algumas das empresas estatais do país a usem, nem que seja na base da opressão.

De acordo com uma gravação publicada no Twitter pela rede de televisão VTV, o presidente venezuelano, Nicolas Maduro, ordenou que várias empresas estatais convertessem uma porcentagem de suas vendas e compras em Petro, a criptomoeda estatal.

“Eu dei a ordem para a empresa PDVSA, Pequiven e CVG para perceber a partir de hoje uma porcentagem de suas vendas e compras em… Petro”, disse Maduro (de acordo com uma tradução aproximada) durante o anúncio pré-venda de petro.

A PDVSA é uma empresa estatal de petróleo e gás natural que, além do governo venezuelano, também é alvo de sanções dos EUA. Pequiven é uma empresa petroquímica e a Corporação venezuelana de Guiana (CVG) é um conglomerado descentralizado cujas subsidiárias incluem produtores de alumínio e ouro.

 Maduro também disse que os cidadãos poderão pagar por serviços de combustível, linhas aéreas e turismo com a criptomoeda. O governo também prometeu aceitar petros pelo pagamento de impostos nacionais, taxas e outros serviços públicos.
por Guia do Bitcoin

. . . .

Cadastre-se no Canal VIP do Telegram

As melhores análises da atualidade e posicionamentos precisos: bit.ly/RegistroBitcoinMoveVIP

Participe da comunidade e proteja seu portfólio de criptomoedas.

Grupo FREE | FÓRUM: bit.ly/BitcoinMoveFree

Canal FREE | t.me/btcmove

Conheça todos os nossos serviços: CLIQUE AQUI

Comente e fortaleça a comunidade cripto no Brasil:
%d blogueiros gostam disto: